A Teoria da Evolução

Era hora do almoço, estávamos eu e o meu Gestor em nossos computadores, compartilhando o silêncio da sala vazia. Pensava eu, em como iniciar uma conversa que pudesse compartilhar da grande obra de Cristo na cruz. Sem nada em mente, resolvi ir direto ao assunto. Perguntei para o meu Gestor se ele era cristão. Bem brevemente ele respondeu um sim. Então prossegui a conversa: - Que legal! Então você crê na grande obra de Cristo que levou os nossos pecados na cruz, e ressuscitou... Ele me cortou antes que pudesse concluir a palavra ressuscitou, dizendo que acreditava que Jesus existiu, que foi um grande homem, assim como Napoleão Bonaparte e outros grandes homens que conhecemos.

Tentei continuar a conversa explicando sobre a divindade de Jesus, mas não teve jeito, papo vai e papo vem, ele disse que não acreditava na Bíblia, que as histórias da Bíblia são fábulas, que é improvável que o homem tenha vindo do pó, que acreditava na teoria da evolução. Dois colegas que retornavam do almoço, entraram no assunto sobre a teoria da evolução, e ficaram os três tentado me converter ao evolucionismo. Vendo que a minha tentativa de evangelizar tinha ido por água abaixo, aproveitei os minutos finais do meu almoço para ficar em silêncio, apenas ouvindo eles. Afinal, eles estavam em maior número, e eu não queria gastar munição, jogando pérolas em focinho de porcos (Mt 7:6).
Percebi então o quão diabólica é a teoria da evolução. Ela praticamente coloca o homem no mesmo nível da criação, exclui a queda do homem no Éden e toda a necessidade de um Salvador, coloca Jesus no mesmo patamar de Napoleão, e ainda tira Deus do cenário, deixando o homem completamente à mercê de sua própria “evolução”. Quão triste é para o coração do homem crer nessa teoria.
Comecei a meditar sobre a origem do evolucionismo. Lúcifer criou um protótipo da teoria da evolução quando quis “evoluir” e ser como Deus. Depois ele enganou Adão e Eva no Jardim do Éden com a mesma ladainha de “teoria da evolução” de ser igual a Deus. Se Deus não tivesse expulsado os humanos do Jardim do Éden, a teoria da evolução pregada pela serpente teria praticamente extinguido a raça humana. Deus teve que seguir um caminho totalmente contrário ao evolucionismo, deixando toda a Sua glória, esvaziando-se a si mesmo, humilhando-se a si mesmo, descendo abaixo dos anjos, fazendo-se semelhante aos homens para salvá-lo. 
Se você está nessa de evolução e anda decepcionado, triste por não estar evoluindo como deveria, ou se você acha que já evoluiu tudo que deveria e mesmo assim anda preocupado, de que um peixe grande possa engolir você, não se preocupe, todos nós nascemos com esse vazio em nossas almas, e não é necessidade de evolução. Só Deus pode preencher esse vazio, pois todos nascemos com o DNA do pecado, destituídos da glória de Deus. Mas Deus já corrigiu essa falha nessa sua ideia de “evolução”, entregando seu filho na cruz. Jesus o homem perfeito. Deus e homem, 100% perfeito. Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. (Mateus 11:28)
Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo. (2 Co 5:17).
Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; (Filipenses 2:7)
E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. (Filipenses 2:8)
Vemos, porém, coroado de glória e de honra aquele Jesus que fora feito um pouco menor do que os anjos, por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos. (Hebreus 2:9)
Kleber C. B.

Postagens mais visitadas deste blog

A Besta e O Anticristo - Bruce Anstey

O Arrebatamento - O Espirito Santo no arrebatamento

A VINDA DO SENHOR ESTÁ PRÓXIMA!